NELSON RICARDO
  • Masculino
  • CAPÃO DA CANOA RS
  • Brasil
Compartilhar no Facebook
Compartilhar

Fãs do trabalho de NELSON RICARDO

  • Claudia Loureiro
  • Carlos Alberto Baltazar
  • Marcio Marcelo  Nasc. Sena
 

Página de NELSON RICARDO

Últimas atividades

Posts no blog por NELSON RICARDO
13 horas atrás
Posts no blog por NELSON RICARDO
ontem
Posts no blog por NELSON RICARDO
quinta-feira
Posts no blog por NELSON RICARDO
21 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
15 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
12 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
11 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
9 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
8 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
7 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
5 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
4 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
3 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
1 Ago
Posts no blog por NELSON RICARDO
30 Jul
Posts no blog por NELSON RICARDO
28 Jul

Informações do Perfil

Apresente-se
SOU NATURAL DE GARRUCHOS NAS BARRANCAS DO RIO URUGUAI NAS MISSÕES E AQUERENCIADO EM CAPÃO DA CANOA A 13 ANOS, FUNCI. PÚBLICO MUNICIPAL, COLORADO CAPEÃO DO MUNDO EM VESPERA DE SER BI E TENHO 661 TEXTOS POETICOS DIVULGADO NO RECANTO DAS LETRAS, BLOGS, COMUNIDADES E NO PERFIL DA RÁDIO NETUNO ONLINE CRIADA POR MIM
O que o motivou a criar sua pagina ?
PENSANDO EM UM CANAL QUE ME LEVE AO LANÇAMENTO DO MEU TÃO ALMEJADO LIVRO
Deixe a URL de seu Site ou Blog ? Ficará visivel e se desejar divulgue o nosso link em seu Site ou Blog.
http://www.VAINERDEAVILA.recantodasletras.com.br
Como Conheceu o Beco ? (visível apenas administrador)
FAZ TANTO TEMPO QUE NEM LEMBRO MAS É UM ORGULHO PARTICIPAR COMO MEMBRO O BECO.
UMA NOVA CHANCE DE VIDA.jpg
UMA NOVA CHANCE

Que preguiça danada
To com a carcaça cansada
Sentindo o peso da idade
Cada dia que passa
É uma ameaça
Do fim pra eternidade

A pergunta que não quer calar
Não tem como renovar
O contrato de vida
A estrada é espinhenta
Mas meu corpo não aguenta
Essa espera dolorida

Queria mais uns 100 anos
Projectos e planos
Eu teria meu senhor
Para atingir a glória
Escrevendo uma nova história
Atenda-me por favor

Escrito as 08:00 hrs., em ponto do dia 13/11/2010 por
Vainer oliveira de Ávila

Fotos de NELSON RICARDO

Carregando...
  • Adicionar fotos
  • Ver Todos

Blog de NELSON RICARDO

O MURMURAR DO VENTO

Postado em 27 agosto 2016 às 11:54 0 Comentários

A MENINA FAVELADA

Postado em 26 agosto 2016 às 17:59 0 Comentários

A MÚSICA QUE ME TOCA

Postado em 26 agosto 2016 às 12:38 0 Comentários

PENSANDO EM TI

Postado em 25 agosto 2016 às 18:50 0 Comentários

Caixa de Recados (6 comentários)

Você precisa ser um membro de Editora Beco dos Poetas para adicionar comentários!

Entrar em Editora Beco dos Poetas

Às 23:26 em 21 março 2011, rosa maria sousa borges disse...

 


Olá Boa Noite..............

Não há poema nem arte, 

Não há mar ou estandarte,

 Nem mesmo a força do vento

 Que descreva o sentimento 

Que o AMOR prolifera!!!

 É o ar da primavera...

 É magia pura... Enquanto dura... 

É o estado de graça

 Que nos toma e abraça...

É o fogo que flameja Sempre que se deseja...

 É cair na emboscada dum sorriso, E…

viver, em pecado, no paraíso

 É levantar voo nas asas do cúpido,

 E… cantar vitória após estar rendido 

O AMOR … É o império de todos os nossos sentidos

 Que encerra mistérios desconhecidos….

 O mundo gira em seu redor Atraído pelo seu esplendor!!! 

Buscaram uma razão, Mas…

 O AMOR nem sequer tem peso ou medida!!!

 É a força que comanda a própria vida!… 

 

Em suma, o AMOR É algo, ainda, maior!!!...


 Beijinhos com o meu carinho

Às 19:14 em 8 dezembro 2010, rosa maria sousa borges disse...


BOA NOITE !!

A UM AUSENTE...

Tenho razão de sentir saudade,
tenho razão de te acusar.
Houve um pacto implícito que rompeste
e sem te despedires foste embora.
Detonaste o pacto.
Detonaste a vida geral, a comum aquiescência
de viver e explorar os rumos de obscuridade
sem prazo sem consulta sem provocação
até o limite das folhas caídas na hora de cair.

Antecipaste a hora.
Teu ponteiro enlouqueceu, enlouquecendo nossas horas.
Que poderias ter feito de mais grave
do que o ato sem continuação, o ato em si,
o ato que não ousamos nem sabemos ousar
porque depois dele não há nada?

Tenho razão para sentir saudade de ti,
de nossa convivência em falas camaradas,
simples apertar de mãos, nem isso, voz
modulando sílabas conhecidas e banais
que eram sempre certeza e segurança.

Sim, tenho saudades.
Sim, acuso-te porque fizeste
o não previsto nas leis da amizade e da natureza
nem nos deixaste sequer o direito de indagar
porque o fizeste, porque te foste ...

Bom Descanso....Beijinhos
Às 22:36 em 20 novembro 2010, Célia Regina Carvalho disse...
Não precisa agradecer. Gostei de verdade do seu texto... Amei-o! Há!braços
Às 10:28 em 16 novembro 2010, Cecília de Moraes dos Santos disse...
Olá Vainer, obrigada por ler e comentar meu poema Quero Voar e prometo a voce que quando eu adquirir minhas longas asas e já ter aprendido a voar, avisarei vc para voarmos juntos rumo ao encontro da alegria e da felicidade.
Abraços
Cecília
Às 16:08 em 13 novembro 2010, Luiz de Almeida disse...
Vainer:
Bem Vindo ao Nosso Espaço.
Abraços e:
"ESTEJA E SEJA E FIQUE FELIZ!"
Luiz de Almeida & Blog Retalhos do Modernismo
http://literalmeida.blogspot.com
Às 15:29 em 13 novembro 2010, Marcio Marcelo Nasc. Sena disse...
Seja Bem Vindo !!!
 
 
 

Vendedores Independente

Últimas atividades

Posts no blog por Fabian Balbinot

www.pensamentopormimmesmo.com.br - Saúde, educação e segurança

Não voto mais em político que vier fazendo propaganda falando em saúde, educação e segurança. Já…Ver mais...
12 horas atrás
Posts no blog por NELSON RICARDO
13 horas atrás
Posts no blog por Antonio Cabral Filho
13 horas atrás
Antonio Cabral Filho postou um status
"Saudações a todos os meus amigos"
18 horas atrás
Ícone do perfilGrupo Editorial Beco dos Poetas & Escritores Ltda via Facebook
Facebookontem · Responder
Claudinah Oliveira é agora um membro de Editora Beco dos Poetas
ontem
Posts no blog por Valter Bitencourt Júnior
quinta-feira

© 2016   Criado por Marcio Marcelo Nasc. Sena.   Ativado por

Credencial  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço