Todas as postagens no blog marcadas com 'crônica' (11)

Conjunção planetária



Leia Mais

Adicionado por mirna cavalcanti de albuquerque em 26 dezembro 2012 às 18:00 — Sem comentários

Manhã de Domingo

 …

Leia Mais

Adicionado por mirna cavalcanti de albuquerque em 22 julho 2012 às 19:50 — Sem comentários

Problemas e soluções

I…
Leia Mais

Adicionado por mirna cavalcanti de albuquerque em 9 junho 2012 às 22:39 — Sem comentários

Condomínio: Reunião / "Condominium: Meeting"



Leia Mais

Adicionado por mirna cavalcanti de albuquerque em 21 maio 2012 às 0:42 — Sem comentários

O PRIMEIRO CONTATO (Cassius Barra Mansa)

O PRIMEIRO CONTATO

Certa vez, na ânsia de concluir um trabalho escolar, cercado de publicações dos mais variados autores e temas, e sem saber por onde começar despertei-me com um clique da minha esferográfica.

Eis que, como um “Deja Vu”, deparei-me com um antigo livro de contos em péssimas condições. O papel…

Leia Mais

Adicionado por Carlos Roberto de Souza em 11 novembro 2011 às 16:44 — Sem comentários

DIA INTERNACIONAL DA MULHER (Olga Caixeta)

 

O jornal “ O Lutador” ,de 1º de março deste ano, recapitulou as palavras de Vítor Hugo, o grande escritor francês do século XIX – “ O Homem e a Mulher”, poema lindíssimo, com imagens que mostram a visão romântica da figura  feminina àquela…

Leia Mais

Adicionado por tarokid2003 em 14 março 2011 às 18:24 — Sem comentários

CEMITÉRIO: FONTE DE LAZER E TURISMO.



*Marco Antônio Soares de Oliveira.





Não estranhem o título da matéria, caros leitores, pois hoje em dia devido ao impacto da violência o ser humano está se refugiando até nos cemitérios. É o

que fez com que o…

Leia Mais

Adicionado por tarokid2003 em 3 novembro 2010 às 20:48 — Sem comentários

O ESCORT PRATEADO (Cláudio Roberto Fernandes & Eliana)

...Não pegava nem…

Leia Mais

Adicionado por Carlos Roberto de Souza em 5 abril 2010 às 23:45 — Sem comentários

DIFERENÇAS

Mulheres são mestres em dizer que homens são todos iguais.

Homens, que mulheres são incompreensíveis.

Mas, iguais têm vieses incomparáveis.

Ao passo que, incompreensível, quer dizer que algo foge à razão.

Pode ser a falta de sensibilidade.



Ora, há homens sensíveis que mulheres não compreendem.

E mulheres feitas em série, buscando amores de catálogo que só iguais produzem.

Basta ser tu mesma para ser diferente.

A saúde reside em respeitar, não…
Leia Mais

Adicionado por Silvia Mendonça em 20 janeiro 2010 às 19:30 — Sem comentários

SIMPLESMENTE IMPOSSÍVEL !!

SIMPLESMENTE IMPOSSÍVEL!!

* Agamenon Troyan



Eu passo horas, dias e meses tentando escrever um poema que possa transparecer todo o meu sentimento por ti. As horas me torturam, os dias me rejeitam... as noites me negam.

Por você eu lutaria contra a indignidade, contra as injustiças... Por você eu lutaria pelo amor, pela paixão.

O que me resta então como poeta? Ficar à mercê dos meus versos contidos, ou lavar os caminhos… Leia Mais

Adicionado por Carlos Roberto de Souza em 29 dezembro 2008 às 23:09 — Sem comentários

O HOMEM FEIO (de Sérgio Ricardo)

Crônica

Título: O Homem Feio

Autor: Sérgio Ricardo





O HOMEM FEIO




Vila Nova Esperança, uma pacata cidade de não mais de dez mil habitantes. Onde todos se conhecem e, muitas vezes são conhecidos como referência, exemplo: Paulo é filho do Jorge que é dono da padaria, assim as pessoas o chamam o Paulo do Jorge.

Sebastião, mais conhecido como Tiãozinho da chicota; referência de sua mãe uma vereadora muita conhecida e respeitada.

Tudo em sua vida… Leia Mais

Adicionado por Carlos Roberto de Souza em 18 setembro 2008 às 19:25 — Sem comentários

Arquivos mensais

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

1999

1970

1958

0201

Apoie nossos projetos

Se você aprecia esse trabalho e gostaria de ajudar a melhora-lo faça uma contribuição de qualquer valor toda nossa comunidade agradece em um só Voz.



Visite os Portais que mantemos gratuitamente:


Beco dos Poetas
Mapa da Poesia
Poetas Online
Livraria

 

 

Poetas Online

Edmundo de Souza Pereira escreveu um novo post, CÉU DA BOCA

Miniatura  

 
Estou solteiro
Quero cheiro,
Quero abraço,
Quero beijo.
Doce, queijo,
Leite, mel!…
Quero céu;
Pode ser
Da tua boca!

Edmundo de Souza Pereira escreveu um novo post, DOR

Miniatura
A dor de morrer, talvez seja menor que a dor de amar!


image
image
image
image
image
image
image
image
image

Click na imagem visite as lojas e curta nossos títulos nas redes sociais através dos icones o Beco agradece a ajuda