Todas as postagens no blog marcadas com 'vida' (426)

Floresta encantada

Respiro o ar da floresta encantada
Das folhas que adornam seus troncos nus
Envergonhada ao olhar humano
Mas liberta do olhar crítico de Àrtemis
Caminhando pelo ventre dos majestosos guardiões
Medito a sua grandiosidade, beleza e altivez
Que me ensinam a pequenez universal
Da Mequinez egoísta dos humanos
Liberto-me na sua paz que rodeia o ar respirado
Aliviando-me do fardo do eu que me…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:28 — Sem comentários

Triste ilusão

Nos pequenos gestos encontras o carinho
Nas palavras o afecto …
Não terás irrealidades
Nem sonhos inatingíveis
Ou momentos efémeros
Ilusórios
Que te preencham um momento
E te abandonem vazia
As pequenas coisas que possuis
São riquezas que não valorizas agora …
Até as perderes
Num remorso mortal
Que te atinja a alma
Que jaz vazia
Num…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:26 — Sem comentários

Chave da vida

Caminha numa solidão perfumada pelo tempo
Vagueando pelos mistérios das chaves da vida
Revisitando florestas mitológicas encantadas
Aguardando resolução de conflitos só seus
Torturado por memórias desprezíveis de dor
Presas no limbo, guardadas no labirinto a sete chaves
Coberto por eras que sugam os pensamentos
Absorvendo as belezas de um amor frustrado
Cabisbaixo, desalentado, arrastando pé ante…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:19 — Sem comentários

Brumas do tempo

Nas brumas do tempo, 

sentes a passagem da vida
Que segue lenta, 
encravada nas palavras
emperradas que não ousas dizer!
No beiral do precipício, olhas o vazio
Venerando o calafrio que te enregela a alma
O medo da queda assola o teu íntimo
Torna-se mais forte que o…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:19 — Sem comentários

Tributo ao Rio Douro

Perdem-se os sentidos na beleza das encostas esverdeadas

onde dançam as videiras, acariciadas pelo vento
amadas pela mão do homem que as trata com carinho
Extraem das vinhas o néctar de Baco para deleite dos homens
Tanto que lhes proporcionas com  a riqueza das tuas águas
Fazes cintilar  os olhos de quem mira extasiado,
a beleza das tuas…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:16 — Sem comentários

Dança contemplativa

Ó divindade da minha vida
és silhueta recortada no horizonte
moldada num quadro de fundo
cujo corpo torneado o vento acaricia
Mantens-te quieta, contemplativa
Venerando uma dança que outrora foi tua!
Olhais o céu,
absorta em…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:12 — Sem comentários

Insatisfação

Chego à conclusão que o homem nunca estará satisfeito com aquilo que a vida o brinda. 
Não lhe basta ter saúde; não lhe basta sentir o prazer de acordar; sentir o sol a chuva; não lhe basta ser feliz ... busca sempre mais, mas afinal porque nunca se alegra com o muito ou pouco que possui?…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:08 — Sem comentários

Quadro abandonado

O rosto da inocência perdida
Vive reflectida nos gestos subtis
Espelhada num quadro abandonado
Cuja moldura aprisionou sonhos do passado
A coragem enche o peito
Abandona a prisão do teu próprio medo
Decora o quadro cuja pintura és tu
Deixa para trás rosas ornadas de espinhos doentes
A figura esbelta obriga os céus a renderem-se
Veneram agora o encanto de uma mulher
Alguém que busca…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:05 — Sem comentários

Momentos de paixão

Qual será o melhor lugar do mundo questiona o poeta?
É aquele lugar mágico onde os amantes se abraçam sentindo o calor dos corpos pressionados, gladiando-se num desejado frenesim descontrolado de paixão.
É naquele momento que todos os seus receios se quebram e dão lugar à troca de beijos apaixonados, às carícias outrora sonhadas, à troca do prazer mundano, ao gozo pecaminoso de duas almas eletrizadas pelas energias guardadas nos cofres do tempo que agora libertam…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:03 — Sem comentários

Dom da vida

Todos nascemos iguais, nus, despidos de maldade, seres inocentes e indefesos. O espírito de partilha deve prevalecer e ser incutido nas novas vidas que brotam.
O dom da vida é em si algo maravilhoso, grandioso, esplendoroso e divino, pois além das almas que germinaram na nossa existência, somos seres pensantes que amam e choram …
João Salvador – 21/08/1973…
Leia Mais

Adicionado por João Salvador em 11 setembro 2014 às 4:02 — Sem comentários

MARTA

nos olhos vermelhos de marta

as frases do seu discurso sem nexo,

a lembrança de que a vida é breve,

seu querer não querendo, seu sexo.



no riso histérico e romântico

de marta a dor, a revolta e a…

Leia Mais

Adicionado por jardim em 22 maio 2014 às 21:39 — Sem comentários

Vida nova, esperança primeira

Hoje é domingo, domingo de missa

O sol se levanta, mas a terra chora

Enorme silêncio pelos ares se iça

A gente faz tempo não comemora

Há tempos não se ouve riso

Há tempos não se ouve choro

Nem sopro que se faça…

Leia Mais

Adicionado por Mônia Rieth Corrêa em 15 maio 2014 às 2:45 — Sem comentários

Conheça melhor as minhas ideias:

Visite meu site: Meu eu.

Com uma mescla de política, ironia, sarcasmo, humor, arte, romantismo e talvez até muitas coisas que eu mesma possa não ter percebido, vou deixando com que o lápis expresse no papel a minha essência, o que faz de mim o eu que sou. Além disso, poderá encontrar aí crises existenciais, rebeldias, choques de realidade, sonhos, conflitos de personalidade e muitas loucas e incompreensíveis -…

Leia Mais

Adicionado por Mônia Rieth Corrêa em 15 maio 2014 às 2:29 — Sem comentários

Prenderam a Liberdade!

    Lembro-me quando comecei a questionar, não aceitar, simplesmente, o mundo como ele é. Enchia meus pais de todos os por quês que se pudesse imaginar. E havia uns bem tão cabeludos, desses que ninguém sabe de onde saíram. Mas outros eram interessantes até. Foi então quando comecei a assistir futebol. Havia o por que o goleiro não podia correr como os outros, o por que nem todo mundo tinha um apito, o por que não se pode chutar a bola em qualquer gol, o porque um lado tem…

Leia Mais

Adicionado por Mônia Rieth Corrêa em 15 maio 2014 às 2:14 — Sem comentários

Vida...caminho percorrido

No antanho,

já arcaica palavra, pouco usada,

vem a evocação,

lembrança fustiga a memória…

Leia Mais

Adicionado por Neusa Marilda M.Lavienrose em 18 janeiro 2014 às 14:31 — Sem comentários

ASSIM É POESIA...

Queria eu ser criadora do verbo poetizar

e ter a poesia correndo em minhas veias

como o sangue que meu coração bombeia

em um 'baticum', que não pode falhar

Queria eu rimar as palavras

como no ato de respirar

inconsciente e vital

sem a necessidade de ponderar

Queria eu poetar

para sentir-me poetisa

ter no olhar o encantamento

por despejar no papel o alimento

que faz minha alma sossegar

Quero eu ser despido de qualquer… Leia Mais

Adicionado por Jannaina Teixeira em 13 novembro 2013 às 15:46 — Sem comentários

Uma vida, Um mistério....

Uma vida, Um mistério...…

Leia Mais

Adicionado por Arnaldo Leodegário Pereira em 3 novembro 2013 às 11:30 — Sem comentários

Anônima

Anônima

 

--- Walter Medeiros

 

Levaram uma lembrança de mim.

Disseram que isso é a vida;

Que é só isso a vida.

 

Lembrança de uma corrida de pensamento

Em busca de alguma coisa

De uma corrida de olhos

Em busca de algum corpo

Corrida de mãos

Em busca de um afago.

 

Levaram uma lembrança de mim

Para os lugares mais fáceis de se…

Leia Mais

Adicionado por WALTER BEZERRA DE MEDEIROS em 9 outubro 2013 às 14:42 — Sem comentários

Reticências de inverno . . .

Não importa o tempo 

Os desgastes da madeira

Somente  importa a  essência

Mais apurada e enriquecida

rica em  acalantos e  novas experiências

A alma desnudada revela-se 

no mistério dos minutos

carregados de calor e emoção

despertada pelo encontro

Ao simples olhar molhado de desejo

ao toque dos dedos nos cabelos macios

abraços e beijos tímidos e desacostumados

Porque devagar se constrói  um viver…

Leia Mais

Adicionado por Bruma Lilás -Taís em 4 agosto 2013 às 14:29 — Sem comentários

Arquivos mensais

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

1999

1970

1958

0201

Apoie nossos projetos

Se você aprecia esse trabalho e gostaria de ajudar a melhora-lo faça uma contribuição de qualquer valor toda nossa comunidade agradece em um só Voz.



Visite os Portais que mantemos gratuitamente:


Beco dos Poetas
Mapa da Poesia
Poetas Online
Livraria

 

 


image
image
image
image
image
image
image
image
image

Click na imagem visite as lojas e curta nossos títulos nas redes sociais através dos icones o Beco agradece a ajuda